Grupos de trabalho da RedBioLAC

Entre as diferentes formas de participação na RedBioLAC estão os Grupos de Trabalho (GTs) aos quais os membros estão vinculados de acordo com as linhas estratégicas da Rede.

O objetivo é que os membros interajam em tópicos específicos de interesse que permitam o avanço conjunto em conhecimento e a execução de atividades e propostas estratégicas para alcançar resultados concretos e disseminar a biodigestão para mais pessoas da América Latina e Caribe.

Em 2019, trabalhamos para estruturar a ideia dos GTs, no âmbito da XI Encontro da RedBioLAC, realizado em Cuba em 2019, alguns dos grupos foram criados e discutiram planos com o apoio de um facilitador do Conselho Diretor ou da Coordenação da Rede.

Assim, temos 11 grupos de trabalho ativos na RedBioLAC, que devem se comunicar, planejar suas atividades e trabalhar ativamente para fortalecer o grupo e gerar resultados concretos para toda a rede:

  • Biodigestores de grande escala
  • Biodigestores de pequena escala
  • Biofertilizantes
  • Comunicação
  • Fração orgánica de resíduos urbanos – FORSU
  • Intercâmbio de estudantes e estágios
  • Laboratórios de biodigestão e biogás
  • Comitê editor da Revista RedBioLAC
  • Comitê editor da WikiBiogas

O que se espera dos participantes como compromisso básico para ingressar?

Comprometer-se com um plano de trabalho anual, que inclui chamadas a cada no mínimo 2 meses e um conjunto de ações concretas por grupo, a serem mencionados:

  • Coletar bibliografia, relatórios, material audiovisual etc.  relacionados ao seu GT para alimentar o WikiBiogás;
  • Gerar cápsulas educativas (textos ou vídeos) sobre a temática;
  • Organizar 1 webinar durante o ano para informar sobre o estado da arte com informações atualizadas, sobre o desenvolvimento de um projeto, ou atividades em torno do tema do GT;
  • Dar a conhece notícias, eventos, cursos y seminários relacionados a seu GT em seus países para divulgar para a Red na WikiBiogas;
  • Quando corresponda à temática, compartilhar informação sobre chamadas de projetos e fundos com outros membros de GTs;
  • Informar se sua institução ou empresa pode receber alunos para realização de estágios e pesquisas de graduação ou pós-graduação;
  • Citar a RedBioLAC e seus GTs quando se realizem apresentações em eventos relacionados ao tema.

Que outras ações o GT poderia executar?

  • Realizar cursos semipresenciais em articulação com a Red para utilizar o curso online da RedBioLAC e CIBiogás;
  • Candidatar-se a fundos de financiamento de projetos com instituições do próprio GT ou de outros, pois há alguns GTs que são complementares;
  • Realizar alguma atividade educativa ou de difusão durante o Encontro da Red, com prévia revisão e aceitação do comité organizador, com base ema proposta escrita.

O que pode oferecer a Red aos GTs?

  • A equipe coordenadora da rede colaborará com suas ferramentas para poder articular os grupos, canalizar as informações geradas a partir daí e conectar-se aos atores relevantes para alcançar determinados objetivos.
  • Os articuladores da GT que têm interesse e possibilidade já estarão aprendendo a trabalhar em rede e poderão ser candidatos a continuar seu trabalho na RedBioLAC. As cotas podem ser abertas anualmente para o conselho de administração e/ou equipe de coordenação.
  • O articulador do grupo de trabalho pode receber algum tipo de apoio financeiro parcial para participar do Encontro anual da RedBioLAC, onde os resultados e ações do grupo de trabalho serão apresentados.

Como fazer parte?

Todos são convidados a participar de um grupo de trabalho. Idealmente, os membros se comprometem com um tópico no qual possam contribuir com sua experiência em pesquisa (no campo ou no laboratório), implementação ou desenvolvimento, para assim autogerenciar e compartilhar conhecimentos, experiências e projetos da e para a América Latina e o Caribe.

Passos a seguir:

1) Analisar qual temática tem interesse em trabalhar e se pode comprometer-se com algumas horas de trabalho para o GT;

2) Inscrever-se em el formulário escolhendo a temáticaClique aqui.

3) Aguardar o contato do articulador do GT para realizar de uma reunião do Grupo;

4) Organizar-se para participar da reunião do GT para a qual será convidado;

5) Definir junto ao GT seu compromisso: definir quais atividades vai apoiar com seu trabalho e colaboração, além dos prazos e resultados esperados.

6) Interagir com os membros do GT, executar suas atividades e estar disponível para apoiar a todos.

Venha fazer parte e trabalhar pelos biodigestores desde e para a América Latina e Caribe.